WWW.KAYAKSPORTS.COM.BR
Seja bem vindo ao Grupo Amantes da Pesca com Caiaque. "Estamos no Facebook também"
Para ter acesso a todo conteúdo do Fórum é necessário ser registrado.

Clique no botão abaixo e registre-se.


Atenciosamente

Rafael Almeida da Silva.
www.kayaksports.com.br

WWW.KAYAKSPORTS.COM.BR

WHATSAPP 47 9 8459-3734
 
InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Emerson Girotto

avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/02/2014

MensagemAssunto: Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014   9/3/2014, 19:20

Saudações pessoal do fórum,
Este é o relato de mais uma remada. Dessa vez fiz um trecho de 165,1 km por um rio aqui da região chamado Pirapó. É um rio paranaense que abastece a cidade de Maringá (onde moro) e tem um aspecto de água barrenta, cor caracterizada pela terra roxa do norte do estado. A partida foi ainda dentro da cidade de Maringá com destino à sua foz, que se dá no rio Paranapanema, um rio que fica na divisa entre os estados do Paraná e de São Paulo. O trajeto foi gravado com GPS Garmin Oregon 550 e as fotos e filmagens feitas com uma Kodak Easy Share C123 e uma Nikon AW100 (todas a prova d’água).
Levamos comida e material de acampamento para 3 noites e 4 dias e conforme planejado saímos de Maringá as 8:00h do dia 01/03/14 e chegamos na foz do rio Paranapanema no dia 04/03/14 às 16:30h. Já vou logo dizendo que é impossível fazer esse percurso em menos tempo, a não ser que se acorde às 5h da manhã e reme até as 19h da noite (o que seria arriscado e cansativo demais). No primeiro dia remamos 46 km (das 8h às 18h parando muito pouco), no segundo dia 40 km, no terceiro dia 36 km e no último dia 43 km. Tiramos quase 200 fotos (abaixo só algumas) e eu filmei a maioria das corredeiras (66 filmadas) mas muitas delas eu não filmei porque eram de menor importância. Então, calculo que passamos por aproximadamente 75 eventos (entre corredeiras e cachoeiras). A maior delas fica na cidade de Lobato-Pr e deve ter entre 4 e 5 metros de altura na parte mais alta. Essas mais perigosas nós desviamos pela margem ou pela mata lateral (quando possível). No vídeo abaixo mostro alguns momentos passando pela margem (mas ainda dentro da água) para evitar algumas quedas d’água. Muitas quedas são pequenas em altura, mas são perigosas por causa das pedras pelo caminho (se bater e capotar a consequência pode ser séria).
Os remadores foram eu (Emerson, 41 anos), Everaldo (59 anos) e Driano (28 anos). Eu já tenho experiência de 4 anos com caiaque e já fiz outras duas expedições de 52 km por outro rio aqui da região (Rio Ivaí) também com várias corredeiras e cachoeiras. O Everaldo também tem caiaque há cerca de 4 anos e tem experiência de remar em lagos. O Driano comprou caiaque em dezembro/2013 e tem experiência de lago e mar, porém mesmo com pouco tempo de “caiaqueiro” sua juventude e disposição compensaram.
Não recomendo este trecho para iniciantes pois é perigoso e é preciso conhecer com antecedência as corredeiras.
Após as fotos tem um vídeo que montei. O vídeo é longo, tem 1h24min mas para quem gosta de aventuras de caiaque vale a pena assistir pois ficou bem legal, mostrando as corredeiras que passamos, cachoeiras, os tombos e os sufocos na água “brava”. Quem não quiser assistir inteiro, recomendo assistir pelo menos a passagem pela corredeira aos 55 min.
Os caiaques são todos da marca Lontras, modelo Barracuda. Foram cortados na frente para colocar as roupas e outros utensílios (tudo em sacos plásticos para não molhar, pois sempre entra água) e feitas outras adaptações para amarração de cordas/redes elásticas.
Embora tenhamos levado tralha de pesca, pois soubemos que próximo à foz do Pirapó podem sair alguns dourados, eu particularmente desanimei muito da pescaria em função da sujeira e poluição desse rio, uma vergonha pois até pedaços de TV nós encontramos enroscado nas árvores (sujeira que fica presa durante a cheia). Se fôssemos recolher todas as garrafas PET pelo caminho, precisaríamos de uma chalana acompanhando. O Driano insistiu bastante na pescaria e pegou alguns mandis, cascudos e um dourado pequeno. Conversando com pescadores ribeirinhos eles dizem que às vezes, muito raramente, se consegue pegar um dourado bom, mas geralmente é de tarrafa e próximo a ceva de piaus. Além disso, a segunda maior cachoeira fica somente há uns 6 km da foz do rio Paranapanema, então, se não houver uma boa enchente os dourados não sobem por ela (isso em falar da pesca predatória indiscriminada no pé dessa cachoeira, que fica muito próxima às cidades de Itaguajé, Paranapoema e Jardim Olinda). Enfim, pescaria só se for de mandi, piau ou cascudo. Agora pra remar e se aventurar pelas corredeiras...é show de bola. Mas é perigoso para caiaques abertos e mais uma vez, não recomendo para iniciantes ou para quem não estiver preparado fisicamente, psicologicamente e taticamente (equipamentos).
Abaixo o vídeo e em seguida algumas fotos selecionadas.
Abraço e obrigado.
OBS: As fotos estão cortadas do lado direito, mas não é culpa minha é alguma configuração da página kayaksports, pois nos outros fóruns aparecem normalmente. Talvez a administração possa dar um jeito.

































Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
lucien brito

avatar

Mensagens : 138
Data de inscrição : 19/04/2013
Idade : 34
Localização : Resende Rio de JAneiro

MensagemAssunto: Re: Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014   20/3/2014, 21:40

meu camarada eu tiro o chapéu pra vcs que aventura, mais aqui o Everaldo tá inteiro em rsrsr se trocar a idade ai e colocar 41 no dele e 59 no seu engana heheheh cabelinho branco seu engana kakakaka. Brincadeira amigo. Admiro muito seus relatos fotos e videos meus parabéns amigo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Emerson Girotto

avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 18/02/2014

MensagemAssunto: Re: Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014   20/3/2014, 22:13

lucien brito escreveu:
meu camarada eu tiro o chapéu pra vcs que aventura, mais aqui o Everaldo tá inteiro em rsrsr se trocar a idade ai e colocar 41 no dele e 59 no seu engana heheheh cabelinho branco seu engana kakakaka. Brincadeira amigo. Admiro muito seus relatos fotos e videos meus parabéns amigo.

Tem razão Lucien eu poderia trocar de idade com o Everaldo por causa do cabelo branco:D .
O Everaldo fez 60 anos semana passada mas ele é aqueles caras do tipo "arueira" ou seja, não derruba nem no machado. Estamos programando uma de 260 km pra vc ter uma ideia.... bounce 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
lucien brito

avatar

Mensagens : 138
Data de inscrição : 19/04/2013
Idade : 34
Localização : Resende Rio de JAneiro

MensagemAssunto: Re: Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014   31/3/2014, 00:34

aguardando esse caída.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
vhmacedof



Mensagens : 1
Data de inscrição : 09/12/2014

MensagemAssunto: Re: Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014   9/12/2014, 09:01

Muito bom meu companheiro! Gostaria de fazer este trajeto um dia!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Expedição Rio Pirapó (165 km): remada de carnaval 2014
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
WWW.KAYAKSPORTS.COM.BR  :: REGRAS DO FÓRUM :: Relatos de Pesca e Aventura-
Ir para: